Skip to main content
Explorador do Blockchain

Como Interpretar o Explorador do Blockchain

Por vezes é necessário consultar uma determinada transação na cadeia de blocos (blockchain). Para isso, recorre-se a um Explorador do Blockchain.

 

O que é um Explorador do Blockchain?

 

Um Explorador de Blockchain é um site ou uma ferramenta que permite fazer a leitura dos dados de uma determinada cadeia de blocos (blockchain). Neste explorador é possível navegar pelos blocos, visualizar endereços de carteiras, rácio de hash da rede, dados das transações e outras informações importantes de um blockchain.

 

Um Explorador de Blockchain é basicamente uma ferramenta de pesquisa. Assim como se usa os browsers para navegar pela internet, os exploradores de blocos permitem navegar pelo blockchain. São mecanismos de busca feitos especificamente para pesquisar os dados incluídos num blockchain.

 

Cada criptomoeda que depende do seu próprio blockchain, também tem o seu próprio explorador de blocos. Por exemplo, o explorador de blocos de Bitcoin, não pode ser usado para explorar a cadeia de Ethereum, ou Litecoin, ou qualquer outra criptomoeda. Para Ethereum, tem que se usar um explorador de blocos Ethereum, e para Litecoin um explorador de blocos Litecoin.

 

Exploradores de Blockchain Mais Conhecidos

 

Existem muitos sites de Exploradores de Blockchain. Alguns incluem pesquisadores para várias moedas. Em seguida, apresento a lista dos sites mais utilizados e para as principais criptomoedas:

 

 

Se precisas explorar o blockchain que alguma outra criptomoeda, basta que pesquises no Google e facilmente deves encontrar alguns sites para essa finalidade.

 

Os Explorador de Blockchain podem apresentar layouts diferentes, mas todos mostram os principais dados registados na cadeia. Eis agora alguns desses dados mais importantes:

 

  • Número sequencial do bloco (ID)
  • Hash do bloco
  • Hash do bloco anterior
  • Quantidade de transações incluídas no bloco
  • Data e hora de mineração
  • Nome do minerador
  • Valor da recompensa para o minerador
  • Montante total das taxas
  • Valor da dificuldade de mineração
  • Tamanho do bloco
  • Montante transacionado
  • Nonce
  • Lista de transações
    • ID da transação
    • Lista de inputs (endereços)
    • Lista de outputs (endereços)
    • Valor da transação
    • Taxa da transação
    • Data e hora da transação

 

E agora, para que saibas interpretar um Explorador de Blockchain, vê o vídeo abaixo da edição de hoje do CriptoDiário. O vídeo é um pouco longo (tem quase 1 hora), mas é necessário para que percebas tudo sobre um explorador.

 

Como Interpretar o Explorador do Blockchain

 

 

SUBSCREVER CANAL

 

 

Se ainda ficaste com alguma dúvida sobre este tema, deixa uma mensagem num comentário abaixo.

 

Forte abraço,
Rui Magalhães

 

AVISO LEGAL: O conteúdo deste artigo NÃO constitui aconselhamento ou recomendação financeira. Trata-se apenas das minhas opiniões pessoais, com finalidade didática. Eu não sou responsável por qualquer decisão tomada por si, especialmente sobre investimentos financeiros. Cada pessoa é livre de tomar as suas próprias decisões e ações mas também é o único responsável por elas. O mercado das criptomoedas é muito volátil e apresenta grandes RISCOS nos investimentos. Eu RECOMENDO que adquira conhecimento sobre o tema, ANTES de efetuar qualquer tipo de investimento nesta área. Esteja consciente dos riscos e das possíveis consequências e NUNCA invista mais do que aquilo que está disposto a perder.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Gostavas de receber os novos artigos comodamente no teu email?

SUBSCREVE A NEWSLETTER!

Eu não faço SPAM! Receberás apenas novidades deste blog.

Obrigado por Seguires os Meus Artigos!